Fitch não vê melhora para o mercado imobiliário

A Fitch Ratings com sede em Londres vê uma perspectiva negativa do Brasil para os próximos anos do setor imobiliário. Eles alertam que o mercado residencial e de hipotecas do Brasil, se deteriorou muito em comparação aos anos anteriores.

A agência de classificação de risco Fitch afirma que a recessão econômica e os juros altos estão pesando muito sobre o setor imobiliário brasileiro.

A perspectiva do Brasil é estável na posição negativa enquanto que a maioria dos países possui perspectiva estável na posição positiva, de acordo com relatório anual da Fitch.

A agência disse que a crise econômica, a perda de renda das famílias, o crédito mais escasso e as restrições de acessibilidade contribuem para uma nova queda de preços dos imóveis, em termos reais de algo em torno de 10% para 2016.

As expectativas são de que os volumes de financiamentos permaneçam deprimidos em 2016 e comecem a estabilizar apenas em 2017, dependendo da disponibilidade de poupanças.

Essa perspectiva de posição negativa do Brasil é a mesma atribuída à África do Sul. Aqui você pode encontrar diversas opções em terreno condominio fechado curitiba.